DPOC – Sabia que o Tabaco é o culpado n.º 1?
A Doença Pulmonar Obstrutiva Crónica (DPOC) é uma doença pulmonar, cuja origem pode ser imputada, na grande maioria das vezes, ao tabaco.

O tabagismo é, de facto, o fator de risco predominante para o aparecimento desta doença, estimando-se que, 65 a 80% dos fumadores, desenvolvem manifestações de DPOC. O risco parece aumentar com o número de cigarros fumados e a idade precoce de início do consumo de tabaco.

O fumo do tabaco não é, contudo, o único fator de risco. A poluição, atmosférica ou ocupacional, assume também proporções crescentes: a exposição a partículas poluentes e gases tóxicos desencadeia uma contração excessiva dos músculos que rodeiam os brônquios e uma reação inflamatória que afeta os pulmões e as trocas gasosas. Influência tem igualmente a hereditariedade, por via de uma deficiência na enzima alfa1-antitripsina (AAT): a deficiência desta enzima, que se estima ser responsável por 1 a 2% dos casos de DPOC, facilita a destruição dos tecidos do pulmão.