Cabelo – conheça bem, cuide melhor
Lisos ou encaracolados, de uma cor ou de outra, da forma que a genética determina ou ao sabor da moda e das tendências – há cabelos para todos os gostos.

 

Todos os cabelos têm um papel estético, emoldurando o rosto. Mas também cumprem uma função fisiológica, na medida em que ajudam a preservar o calor, protegendo-nos e mantendo-nos aquecidos.

O fio de cabelo é uma estrutura com origem numa cavidade ao nível da pele, o folículo piloso. Cada pessoa tem, à nascença, aproximadamente, 100 mil destes folículos no couro cabeludo – um número que é para a vida e que deve, por isso, ser estimado.

Cada fio de cabelo é composto por duas partes principais: a haste e a raiz. A haste, por norma, é constituída por três camadas: cutícula, córtex e, em alguns casos, medula. Estas três camadas têm constituições diferentes, servindo diferentes propósitos e relacionando-se com algumas das características que associamos a um cabelo cuidado – um aspeto forte, flexível e brilhante. Assim, de dentro para fora, cada cabelo é constituído por:

  1. Medula: contém proteínas;
  2. Córtex: contém melanina, o pigmento que dá cor ao cabelo;
  3. Cutícula: constituída por minúsculas escamas que ajudam a proteger o cabelo das agressões físicas e químicas do meio ambiente.

O cabelo encontra-se em constante transformação num ciclo constituído por três fases essenciais:

  • Anagénese – fase de crescimento do cabelo. Encontram-se nesta fase cerca de 85 a 90% dos cabelos;
  • Catagénese – fase de regressão – quando se dá a queda do cabelo. Apenas 1% dos cabelos se encontram nesta fase;
  • Telogénse – fase de repouso. Dura cerca de 2 a 3 meses. Aproximadamente 10 a 15% dos cabelos estão nesta fase.

A duração deste ciclo de crescimento e repouso é coordenada por vários estímulos, nomeadamente hormonais, estando a extensão de cada uma das fases descritas dependente de fatores como a idade e os hábitos alimentares de cada pessoa. Assim, o seu cabelo, como o resto do corpo, beneficia muito da manutenção de um estilo de vida saudável.

O cabelo pode ainda desempenhar um papel importante no bem-estar. Por isso, se tiver dúvidas sobre a melhor forma de tratar do seu ou se, em algum momento, sentir que lhe falta um cuidado personalizado, não hesite em falar com um profissional de saúde, como o seu médico ou farmacêutico.