Urticária – quando a comichão ataca!
A palavra “urticária” costuma ser bem conhecida de quem tem alergias alimentares – traduz uma reação alérgica associada a manifestações ao nível da pele. Costuma ocorrer, por vezes, após a ingestão de alimentos como marisco ou frutos secos.

A urticária é uma situação frequente, estimando-se que afete cerca de 15 a 25% da população, em algum momento da sua vida. Pessoas com história familiar de urticária, que já tenham tido outras reações alérgicas ou com um sistema imunitário fragilizado encontram-se em maior risco de vir a desenvolver esta reação, que, por norma, se caracteriza pela presença de:

  • Pápulas (pequenas elevações na pele) avermelhadas, por vezes, esbranquiçadas no centro, que surgem de repente e, geralmente, regridem por si, em poucas horas, sem deixar marca;
  • Prurido (comichão).

Para além da alergia alimentar, a urticária também pode ter origem noutros fatores (como a picada de um inseto), sendo classificada consoante a sua causa:

  • Urticária de contacto – acontece imediatamente após contacto com uma planta ou alimento;
  • Urticária física – acontece após exposição a fatores físicos, como fricção ou luz solar;
  • Urticária colinérgica – acontece, normalmente, quando há um aumento súbito da temperatura corporal, na sequência de, por exemplo, exercício físico ou um banho com água muito quente.

A urticária, por norma, não é grave, passando a sua resolução, em parte, por tentar evitar o que a causou. Se necessário, poderá ainda procurar, na sua farmácia, soluções que, de acordo com a origem da urticária, ajudem a aliviar o prurido.

Em adultos, estes cuidados costumam ser suficientes, mas, em crianças, por vezes, pode ser mais difícil gerir o prurido (nomeadamente, a vontade de coçar!). Nessas alturas, para aliviar o desconforto dos mais novos, poderá experimentar as seguintes medidas:

  1. Evite vesti-los com demasiada roupa;
  2. Dê-lhes um banho com água morna.

Por fim – quer em miúdos, quer em graúdos – saiba que é importante procurar um médico se a urticária:

  • Se espalhar pelo corpo;
  • Envolver camadas mais profundas da pele;
  • Se fizer acompanhar de dor, febre e/ou dificuldade em respirar ou engolir.