Doentes com dermatite atópica beneficiam de comparticipação especial nas farmácias
O protocolo entre a ANF e a ADERMAP destina-se aos associados da entidade e abrange mais de 100 produtos de higiene e hidratação.

Os associados da ADERMAP – Associação Dermatite Atópica Portugal podem agora beneficiar de uma comparticipação especial ao adquirir, nas farmácias, 111 produtos de higiene e hidratação apropriados ao controlo da dermatite atópica. A iniciativa resulta de um protocolo assinado entre a ADERMAP, a Associação Nacional das Farmácias (ANF) e 11 laboratórios farmacêuticos, e está enquadrada no Programa CuiDAr, para apoio às pes​soas e famílias que vivem com esta doença crónica. Pretende-se, assim, promover a adesão à terapêutica tópica e aliviar o peso financeiro da patologia, cuja gestão implica, em média, gastos de 15​0€ mensais, segundo dados da ADERMAP.

A dermatite atópica uma doença crónica incurável, que resulta da interacção de factores genéticos, imunulógicos e ambientais. Em Portugal tem uma prevalência entre os 4,4% e os 7% nos adultos e entre 15% a 25% nas crianças.

O CuiDAr é uma iniciativa inspirada no Programa A Cuidar da Sua Pele, da PSOPortugal – Associação Portuguesa da Psoríase. O protocolo com a ANF e os laboratórios participantes permite aos associados da PSOPortugal usufruir de descontos na aquisição, nas farmácias, de produtos auxiliares terapêuticos, como cremes hidratantes, champôs e outros.