Quando a temperatura dispara
Não é impressão sua, os anos estão mesmo a ficar mais quentes. 2017 foi, a nível mundial, o segundo ano mais quente de que há registo. Este aumento de temperatura nem sempre é fácil de gerir e pode pedir cuidados especiais, nomeadamente no verão.

 

Os meses mais quentes continuam a ser, muitas vezes, sinónimo de férias e de tempo com a família e amigos. Assim, conheça as melhores formas de desfrutar do calor com saúde:

  • Em casa:

– Mantenha as divisões frescas: coloque materiais capazes de refletir a luz do lado de fora das janelas. Em alternativa, utilize cortinas de tons claros e mantenha-as fechadas;

– Tome duche ou banho com água tépida.

  • Na rua:

– Utilize chapéu com abas largas, óculos escuros e protetor solar com fator de proteção muito elevado (SPF 50+). Na sua farmácia, poderá encontrar o protetor solar ideal para si – aconselhe-se com o seu farmacêutico.

  • Beba líquidos (água, leite ou chá) com frequência, mesmo que não tenha sede, evitando bebidas alcoólicas, gaseificadas, geladas e/ou com cafeína;
  • Faça refeições leves e mais vezes ao dia;
  • Borrife água fresca ou água termal (disponível na sua farmácia) no rosto e no corpo;
  • Utilize roupas leves, frescas e largas.

Embora o tempo quente convide a sair à rua, saiba que, em dias de muito calor, há horas em que deve evitar fazê-lo. Siga o semáforo solar:

Até às 11h e a partir das 17h – horas apropriadas para sair à rua
Das 11 às 12h e das 16 às 17h
Das 12 às 16h – horas perigosas para sair à rua

E porque verão também é sinónimo viagens, nas suas deslocações:

  • Beba água ou sumos de fruta naturais, sem adição de açúcar;
  • Evite permanecer muito tempo dentro de viaturas expostas ao sol – sempre que possível, viaje de noite;
  • Se o carro não tiver ar condicionado, não feche completamente as janelas.

 

Existem grupos com mais dificuldades em adaptar-se à subida das temperaturas. Assim, em dias de muito calor, tenha especial atenção a idosos, bebés, crianças e doentes crónicos (como, por exemplo, doentes cardíacos e respiratórios, diabéticos e hipertensos). Nestes dias, esteja especialmente atento às notícias sobre o estado do tempo. Se tiver dúvidas, ligue para a Linha SNS 24 (808 24 24 24) ou, em caso de emergência, para o 112.