Sabe o que é o Bruxismo?
Acorda de manhã com dor nos músculos do maxilar ou com dor de cabeça? O seu parceiro(a) já referiu que o ouvia a ranger os dentes enquanto dorme? O bruxismo é o hábito de apertar ou ranger (fricção) os dentes, de forma inconsciente, que acontece, principalmente, durante a noite. A maioria das pessoas desconhece que tem este hábito, mas afeta cerca de 100 mil portugueses!

 

O bruxismo é bastante comum na infância, mas, ao longo do tempo, vai desaparecendo, podendo, em alguns casos persistir até à idade adulta. E, apesar de ocorrer principalmente durante a noite, também pode acontecer durante o dia. Neste caso, está, normalmente, associado ao stress.

O bruxismo pode criar sérios problemas. A tensão provocada nos músculos e articulações dos maxilares pode provocar dor de cabeça, e a longo prazo, pode criar distúrbios da articulação maxilar. Por outro lado, os dentes vão ficando cada vez mais desgastados, podendo afetar a saúde oral.

Qual é a causa do bruxismo?

Cerca de 70% dos casos de bruxismo estão relacionados com o stress e ansiedade.

Outros fatores que podem contribuir para este problema são: idade jovem, tabaco e consumo de cafeína ou álcool. É mais frequente em pessoas com outros distúrbios do sono, como ressonar, pausas da respiração (apneia)…

 

Tratamento…

Numa consulta de medicina dentária são identificados vários sinais e sintomas de bruxismo, como:

  • desgaste dos dentes;
  • fraturas;
  • sensibilidade dentária;
  • queixas de tensão muscular;
  • dor de cabeça.

Atualmente existem aparelhos que podem ajudar a evitar o desgaste dos dentes. Estes aparelhos tratam-se de goteiras de relaxamento, cujo o objetivo é evitar o contacto entre os dentes (protegendo o esmalte). Usam-se durante a noite e, ao fim de algum tempo, é possível verificar o seu desgaste.

Outro tratamento, em situações de bruxismo severo, é a aplicação de toxina botulínica. Este composto relaxa parcialmente os músculos do maxilar que provocam o ranger dos dentes.

Como se trata de um hábito inconsciente, o bruxismo é, normalmente, diagnosticado numa fase avançada onde os dentes podem já estar muito degradados. Nestas situações, pode ser necessário realizar algumas restaurações dentárias.

 

De forma a reduzir os episódios de bruxismo deve:

  • Diminuir os níveis de ansiedade: experimente atividades de relaxamento antes de dormir, como um banho quente ou ler um livro;
  • Evitar o consumo de cafeína e bebidas alcoólicas;
  • Adquirir bons hábitos de sono.