Tipos de próteses dentárias
A melhoria dos hábitos de higiene oral, assim como a melhoria dos tratamentos de restauração das principais doenças orais, têm contribuído para um aumento significativo de dentes saudáveis ao longo da vida.

 

Contudo, em algumas situações, a queda dos dentes é inevitável e requer a sua substituição através de próteses.

Existem dois tipos de prótese dentária: prótese dentária removível e prótese dentária fixa. No primeiro grupo, o individuo tira e põe a prótese sempre que desejar e no caso da prótese fixa a prótese é aparafusada ou encaixada em implantes ou em dentes naturais.

Desta forma, quando ocorre perda de um ou mais dentes, sem ser a perda total das peças de um maxilar, a restauração parcial pode ser realizada através de:

Próteses Fixas:

A prótese fixa, pode compreender coroas e pontes. As pontes são utilizadas para substituir dentes inexistentes apoiando-se nos dentes do lado, formando assim uma “ponte”. As coroas, por outro lado, são indicadas para cobrir um dentes parcial ou totalmente destruído ou em dentes desvitalizados.

Prótese removíveis:

a) A prótese total removível, muitas vezes designada de dentadura, placa dentária ou chapa destina-se à substituição de todos os dentes. Apoia-se apenas na mucosa e no céu da boca.

b) A prótese parcial removível, como o nome indica, destina-se a substituir um ou mais dentes mas não os dentes todos. Apoia-se na mucosa e nas gengivas, apresentando, por vezes, uns ganchos que ajudam a fixação.

A escolha da prótese depende de inúmeros fatores que o seu dentista tem em consideração. Questione-o sobre a melhor escolha para si.