Animais bebés
O conforto e bem-estar dos animais domésticos envolvem regras de alimentação, higiene e saúde.

Os cuidados com um cão ou gato recém-nascido incluem:

Desmame –o animal deve habituar-se gradualmente a outros alimentos que não o leite materno. Há produtos próprios para esta fase de transição

Alimentação – procure ração própria para os primeiros meses de vida. Deve evitar dar guloseimas e restos das refeições dos donos. Deixe água sempre disponível e renovada com regularidade

Espaço – organize um espaço próprio para o animal, com zonas distintas para dormir, comer e para as necessidades fisiológicas. No caso dos cães, enquanto não podem ir à rua, reserve um espaço em casa para fazerem as necessidades. Coloque um resguardo absorvente ou umas folhas de jornal, de modo a absorverem a urina e as fezes enquanto não conseguir limpá-las

Banho – só depois de completar o ciclo de vacinas. Se sentir necessidade de limpar o pelo do animal, utilize toalhitas próprias para o efeito. Devem utilizar-se produtos adequados à espécie e raça, pois respeitam e as particularidades de cada pele. A água deve ser morna. No final, deve secar bem o pelo

Higiene oral – há escovas e pastas dentríficas específicas. São desaconselhadas as de uso humano

Unhas – corte apenas as pontas, com um corta-unhas próprio e com cuidado para não atingir a zona com vasos sanguíneos

Ouvidos e olhos – devem limpar-se com regularidade, com produtos próprios para o efeito, de modo a prevenir infecções

Vacinação – nos cães, inicia-se entre as seis e as oito semanas de vida. Apenas uma vacina é obrigatória: a da raiva. No entanto, aconselha-se a vacinação contra a esgana, a parvovirose, a hepatite infecciosa canina e a leptospirose. Nos gatos, inicia-se aos dois meses de vida. Recomenda-se a vacina contra o vírus da panleucopénia, calicivírus felino e herpesvírus felino

Desparasitação interna – nos cães deve ter início às duas semanas de vida. Nos gatos às quatro semanas

Desparasitação externa – deve ser mensal, iniciando-se a partir dos dois meses de idade em cães e gatos

Todos os passos referidos podem variar de acordo com a espécie (cão ou gato), idade, tamanho (peso) e ambiente que frequenta.

Quase todos os cuidados devem ser feitos com produtos específicos para o efeito, que pode adquirir na farmácia, em hospitais e clínicas veterinárias ou lojas de animais.

Assegure-se que oferece as soluções mais adequadas – informe-se sempre com um veterinário ou farmacêutico.