Respirar melhor com o narizinho desentupido
Incómoda em qualquer idade, é verdade, mas a congestão nasal pode ser particularmente difícil nos bebés.

Sabia que…?

O nariz do bebé é muito sensível. Vem preparado para um ar que não o nosso (sem poluição, com condições de temperaturas e humidade estáveis, sem ares condicionados). Por isso, até se adaptar, pode ficar inflamado e apresentar secreções. É normal – todos os bebés passam por isso!

Como ajudar os mais pequenos a respirar melhor?

Já que as crianças muito pequenas têm dificuldade em assoar-se sozinhas e os espirros podem não ser suficientes para garantir a desobstrução do nariz, a limpeza nasal frequente pode ser feita através de:

  1. Aplicação de soro fisiológico (preferencialmente em unidoses) ou “água do mar”;
  2. Remoção das secreções com o auxílio de uma seringa pequena ou com a pontinha de um cotonete ou de um lenço de papel limpo, e em movimentos circulares e suaves.

Somados a estes cuidados, que favorecem o bem-estar respiratório dos mais pequenos, há que contar também com outros gestos simples que podem contribuir para atenuar o desconforto nasal:

  • Assegure-se que a criança ingere mais líquidos(sobretudo água) nesta fase. Este é um contributo importante para que as secreções se tornem mais fluidas;
  • Em todas as alturas, mas nesta em particular, evite que a criança passe muito tempo em ambientes com fumo ou que esteja sujeita a temperaturas muito baixas/altas (evite ambientes muito frios, mas também ambientes demasiado aquecidos, nomeadamente por meio de ar condicionado).

Caso tenha dúvidas sobre como aliviar estes e outros desconfortos do seu bebé, dirija-se à sua Farmácia, lá encontrará profissionais de saúde disponíveis para ajudar.