Pele à prova de verão!
Quando pensa nos cuidados a ter com a sua pele durante o verão, é provável que o primeiro elemento que lhe venha à cabeça seja o protetor solar.

 

E ainda bem – a proteção solar é essencial o ano todo, mas deve ser ainda mais rigorosa no verão, por andarmos, naturalmente, com mais pele exposta.

Mas sabia que, os cuidados a ter, nesta estação do ano, devem ir um pouco além disso? O sal da água do mar, o cloro presente na água da piscina e o ar-condicionado também podem contribuir para irritar e secar a pele. Assim, pela saúde e conforto da sua pele, este verão, adote os seguintes cuidados:

  • Aplique sempre protetor solar antes de sair de casa. Depois, e particularmente se se encontrar numa zona rural, coloque repelente de insetos. Repita a aplicação de protetor solar a cada 2 horas e a de protetor solar e repelente sempre que molhar a pele;
  • Sempre que possível, procure a sombra e utilize acessórios, como chapéus e óculos, que lhe permitam proteger a maior superfície de pele possível;
  • Tome sempre banho após nadar na piscina ou no mar, utilizando, para o efeito, água não muito quente e um cuidado suave;
  • Nos minutos que se seguem ao banho, aplique um cuidado hidratante igualmente suave. Se tiver estado ao sol, porque não apostar num pós-solar?
  • Mantenha a temperatura estável dentro de casa – o ideal é que não esteja muito quente, mas também não muito frio (modere a utilização do ar-condicionado);
  • Tenha em atenção que, enquanto toma determinados medicamentos, a exposição solar deve ser ainda mais regrada, já que podem surgir manifestações de hipersensibilidade na pele após a exposição solar – informe-se com o seu farmacêutico sobre esta questão;

Se der prioridade a estes cuidados, deverá conseguir manter uma pele saudável todo o verão. No entanto, mesmo com as devidas precauções, a verdade é que, nos meses mais quentes, a pele, por norma, se encontra naturalmente mais exposta. Queimaduras solares (os chamados “escaldões”) e picadas de inseto são algumas das realidades com que poderá deparar-se neste período. Caso aconteçam, não hesite em procurar um profissional de saúde, como o seu farmacêutico ou médico.