Prevenir a obstipação
A obstipação é um problema comum, que embora possa afetar qualquer faixa etária, é mais comum em pessoas mais idosas. Isto porque as principais causas deste sintoma estão relacionadas com a dieta, falta de exercício e uso de medicamentos que podem provocar prisão de ventre.

Geralmente, na obstipação as fezes são duras e existe uma sensação de mal-estar e desconforto abdominal persistente. Quando não tratada, a obstipação pode ser responsável pelo aparecimento de hemorróidas devido ao esforço exercido para evacuar.

Embora a obstipação possa ser tratada recorrendo ao uso de laxantes , estes apenas devem ser utilizados em situações pontuais. O uso prolongado e contínuo destes medicamentos pode causar habituação e eventualmente desidratação devido à perda aumentada de água, resultado do mecanismo de ação de alguns deles. É por isso, mais importante, aprender a prevenir a obstipação, fazendo algumas alterações no seu estilo de vida:

  1. Prefira alimentos ricos em fibras como a fruta, legumes e cereais: aumentam o volume das fezes e amaciam-nas, o que facilita a sua progressão pelo intestino;

  2. Evite alimentos que endurecem as fezes: o queijo, chocolate e o arroz, por exemplo;

  3. Beba muitos líquidos: a água, os sumos de fruta e as sopas previnem a desidratação e ajudam a tornar as fezes mais macias e mais fáceis de expulsar;

  4. Pratique atividade física regular: caminhar, nadar ou pedalar estimula os músculos do intestino;

  5. Reserve tempo para ir à casa de banho: de preferência de manhã, após o pequeno-almoço, mesmo que não haja vontade, e nunca ignore a vontade de defecar.

Se a obstipação se agravar, se as fezes forem acompanhadas de sangue, se houver dor abdominal ou retal intensa, e perda de peso inexplicável consulte o seu médico ou farmacêutico.